sexta-feira, 18 de junho de 2004

Pelo Que Você é

PELO QUE VOCÊ É


O livro é aberto e meu nome é chamado
Serei eu por algum tipo de deus julgado?
Não, é apenas o livro do destino que é aberto
O que está escrito nele não sei ao certo

A águia consegue me levar como sua presa
Serei eu servido à sua selvagem mesa?
Não, é apenas um gesto de carinho
Não sinto medo, não me sinto sozinho

A mão da Morte meu ombro ela toca
Serei tragado tão cedo, minha vida não importa?
Não, é apenas um pequeno aviso
Ela ainda vai demorar, diz ela com um sorriso

Sou levado a um tribunal por um crime que desconheço
Serei condenado por minhas palavras ditas com apreço?
Não, a sentença é dita comigo ali em pé
És livre, não pelo que você diz, mas pelo que você é.

Nenhum comentário:

Business

category2