sexta-feira, 16 de julho de 2004

Canção do Inverno

CANÇÃO DO INVERNO
Ela cantava a canção do inverno , tocando em seu violão
A cantiga não tinha nada de fria, como a estação
Seus lábios dançavam em uma poesia divina
Cantando palavras, com sua voz de menina

Seus olhos tão belos, acompanhavam as cordas
Seus dedos, tocando a canção, não erravam uma nota
A canção do inverno era a canção do amor
Amor que estava nela, que cantava o ardor

E seguindo a melodia, eu pude ver seu sorriso
Derretendo a canção, de modo preciso
Na canção que crescia, preenchendo meu mundo
Com seu canto eterno, de sua boca oriundo

E em meio a tudo, em meio à canção
Percebi mui perplexo o que me chamou atenção
A canção do inverno era nossa história contada
E senti o seu beijo, enquanto ela cantava, de forma calada.

Nenhum comentário:

Business

category2