domingo, 20 de março de 2005

Pedras no Rio

PEDRAS NO RIO

De mãos dadas, entramos no rio, a água gelada
Mas sentia o calor de tua mão
E a correnteza de teu sorriso me levava
Sentia sob meus pés as pedras do rio
E sobre elas andávamos

Catamos algumas até chegar ao outro lado
E sentados à margem, ao rio lançávamos
Cada vez mais longe as pedras voavam
Sempre juntas caíam, sempre juntas ficavam

Ao tatear por mais uma nossas mãos se encontraram
E das pedras do rio, enfim esquecemos
E o barulho da águas, nós não mais ouvimos
E nossos lábios se deram, o beijo esperado!

Nenhum comentário:

Business

category2