segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Dia 21 de Novembro: 10 Anos de RA


DEZ ANOS DE RAPADURA AÇUCARADA - PARTE III
Como Deadpool (sim, ele mesmo) ressuscitou os scans...


Image and video hosting by TinyPic
Uma página dessa HQ, foi a 1a. coisa que escaneei


Os meses se passaram e eu esqueci os scans. A Toca do carcaju realmente não voltou mais - até hoje - e eu não procurei sites parecidos. Nesta época eu não era um grande usuário de buscadores. Estava mais preocupado com os blogs, como se pode ver na primeira matéria desta série. E, foi assim que comecei o meu, este aqui, o Rapadura Açucarada. Totalmente sem rumo, sem um tema específico. Scans de quadrinhos nem passavam pela minha cabeça, era algo esquecido e enterrado. Até que um dia....

O blog já devia ter uns três meses. Estávamos no começo de 2003. Eu continuava porque o pessoal do grupo UOL de Cinema dava um apoio e tanto. Mas, eu passava mais tempo conversando no grupo do que blogando. E foi numa dessas conversas que surgiu o embrião para o que viria a seguir.

Eu havia comprado uma revista Marvel publicada pela (péssima) Editora Pandora. Um mix em que a história principal era uma do Deadpool. Apesar de não gostar da revista em si, eu gostei dessa história em particular. Muito, mas muito mesmo. A história era sequência de um número anterior, que eu não tinha, já que era a primeira vez que eu me atrevia a comprar algo da Marvel de uma editora tão ruim. Então, ser a continuação de uma história poderia me desanimar de ler. Mas, ao folhear, vi algo que me chamou a atenção, e por isso a levei.

Então entendam todo o processo da coisa: se eu não tivesse resolvido comprar essa HQ, de uma editora que eu detestava; se eu não tivesse me empolgado com a história; e se o que acontece a seguir, não tivesse acontecido, talvez os scans tivessem demorado um pouco mais para serem popularizados por aqui. Mas, porque fiquei tão empolgado assim com esta história em especial, mesmo ela sendo uma continuação?

Pois bem, sigamos com a nossa aventura. Creio que era a primeira vez que eu lia uma aventura do Deadpool, mas isso não posso dizer com certeza. Nesta aventura, Deadpool está viajando no tempo com uma velha cega agarrada ao seu pescoço. Ela se parece ligeiramente com a tia May, mas não é ela. O desenho não era muito bom, mas o tema viagem no tempo logo me cativou e a época em que ele foi parar é que me fez gostar da história de vez. Deadpool vai parar nos anos 60. Mas, entenda bem, ele vai parar nos anos 60 da... Marvel. Mais especificamente da época em que o Homem-Aranha era desenhado pelo John Romita Sr.

Não lembro agora se o desenhista apenas emulava o traço do Romita - perfeitamente por sinal - ou se era o Romita quem desenhava essa parte da história. Só sei que eu ria de chorar. Deadpool se vê preso naquela época/fase, em uma história do Homem-Aranha contra o Kraven, e interfere na continuidade dela. Acaba indo parar na casa da Tia May, que desmaia, e coloca a velha cega para fingir ser ela.

Para o Deadpool dos anos 90, as coisas nos anos 60 são muito estranhas. Ele repara no cabelo dos Osborn, no jeito alegre demais das garotas, na roupa do Kraven e assim por diante. Tudo isso com aquele traço do John Romita, deixando tudo mais non sense, como se realmente a viagem no tempo tivesse sido não apenas no tempo e espaço, mas na cronologia.

Além de todos os problemas, o parceiro do Deadpool que pode levá-lo para o presente diz que só quem pode ajudá-lo é ele mesmo (o tal parceiro), mas a versão dele da década de 60, um adolescente ainda. E ele precisa fazer isso logo, senão ficará preso naquela época. Tudo se resolve a contento e Deadpool cumpre a sua missão, salva-se a si mesmo e faz surgir a semente para a volta dos scans em larga escala. Mas como? Eu li e decidi escanear a revista? Não. Nem me passou isso pela cabeça.

Eu tinha um scanner, mas a verdade era que ele só servia de enfeite. Eu nunca havia usado para absolutamente nada. Pra dizer a verdade, nem sabia como funcionava. Então, estava um dia conversando com os amigos do UOL Cinema e o assunto era quadrinhos. Foi quando lembrei dessa HQ e resolvi falar sobre ela, e falei com a mesma empolgação que senti quando li. Relatei vários trechos que achei engraçado, até que alguém não aguentou o meu entusiasmo e disse:

- Escaneia uma página e manda!!!

Essa frase é que começou tudo. O pontapé inicial, como se costuma dizer. Eu, sem saber exatamente como, peguei a revista e escaneei uma página, enviando para o pessoal ver. Acho que aquilo despertou algo em mim. A lembrança do que o Toca do Carcaju fazia. E pensei, nossa, não é tão difícil assim (até parece). Mas eu fiquei animado. Pensei, bom, a editora Abril não é mais a detentora dos direitos da DC e Marvel, e isso invalida aquele aviso colocado lá no site do Carcaju. Pelo menos com ela, não preciso me preocupar.

O mais irônico é que, ainda assim eu não escaneei essa história toda, coisa que só aconteceria anos mais tarde. E, mais irônico ainda é não lembrar qual foi a primeira revista completa que escaneei. Mas, sei que foram muitas, no início. Camelot 3000 em formatinho foi uma das primeiras, E logo em seguida aprendi que estava fazendo errado, sem dar nenhum tipo de tratamento a imagem. Alguém me disse, acho que ainda no UOL Cinema: aperta CTRL + Shift + L e veja o que acontece. Quando a página da HQ em formatinho, que estava bem amarelada, clareou, eu achei que fosse mágica. Era só o começo do meu aprendizado em termos de restauração de gibis, pelo Photoshop. Haveria muito que aprender ainda.

No próximo capítulo: A Era de Ouro dos scans tem ínicio...


11 comentários:

Duke disse...

O Eudes! Qual o nome da história do deadpool? não tem os scans no onomatopéia não??
Abs!

r0ch4 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rocha disse...

Eu tb ria de chorar com essa história! Lembro q numa fest Comix, comprei várias edições só pra presentear os amigos...
Saiu em Almanaque Marvel#03, da Pandora. A historia é "Com grandes poderes também vêm grandes coincidências" Originalmente publicada em Deadpool #11 de 1997

Eudes Honorato disse...

Duke, achei a HQ traduzida, e vou postar logo, logo, aqui mesmo.

Anônimo disse...

Isso Eudes, posta mesmo. Muuito legal ela. Fiquei curioso e rindo aqui sozinho enquanto lia esse post.

Abs

Maxximus5000

Eudes Honorato disse...

Postarei sim! principalmente pq eu não consegui realmente passaro quão boa ela é.

Tio Ultimate disse...

A edição e a #11 do vol 2 de 1997.

Baixei lá no soquadrinhos

Sensacional reviver esses tempos gloriosos

Verssago DeLarge disse...

Olá Eudes! Eu sou o Verssago do site Macacos Robôs Zumbis do Inferno (ou MRZI, mesmo perigando dar processo, haha).

Nós queremos fazer uma matéria sobre os 10 anos do Rapadura Açucarada e gostariamos de fazer também uma entrevista.

Se estiver interessado, nosso contato é mrzdoinferno@hotmail.com

Eudes Honorato disse...

Mandei e-mail, Verssago.

Chesco36 disse...

Legal esse passo a passo da criação do blog...geralmente a maioria pensa que tudo é fácil, mas nós sabemos que não é.Parabéns + uma vez...e vamos acompanhando!!!

Eudes Honorato disse...

rsrsrsrssr Obrigado, Chesco!

Business

category2