segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Vórtice 13


VÓRTICE 12 - DIMENSÃO 123.3
Uma HQ de Eudes Honorato e Otávio Subtil (Óqui)

Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic
Para baixar, clique aqui


De vez em quando escrevo pequenos contos diretamente no Facebook, no meu perfil e em seguida, os arquivo na página que nomeei de FARRA, em homnagem ao saudoso fórum. Lendo um dos contos, o Otávio Subtil, o Óqui - que até mesmo já fez uma caricatura minha há anos atrás, aqui para o RA - perguntou se podia quadrinizar um dos contos que ele leu e gostou. prontamente disse que sim, ora pois. Ele desenhou, arte-finalizou e letreirou em poucos dias o conto que eu reproduzo abaixo.


O CONTO QUE DEU ORIGEM À HQ


Vórtice 12. Dimensão 123.3.

Para nossos padrões era um mundo de classe D. Provavelmente foi daqui que vazaram algumas lendas para o mundo primário, a Terra. Localizamos o que se parece com fadas, duendes, dragões, elfos. Mas há também seres intocados, aqueles que nosso mundo não conheceu. Não saberia como nomeá-los, mas logo se vê quer são de ordem 14 a 230.

Alguns amigos meus fariam a festa por aqui. Ele é pelo menos duas vezes maior que nosso planeta, e uma viagem rápida ao seu redor parece uma tourné pela cabeça de J.R.R. Tolkien e Walt Disney. Sim, eu sei que você não conhece esses nomes. Estude mais os volumes virtuais na Biblioteca Moore.

Observamos que há classes e mais classes dos seres aparentados com as fábulas terrestres. Há toda um continente - entre os mais de 16 - que é praticamente onde Alice esteve. Penso se os escritores apenas não acessavam essas dimensões por outros meios que desconhecemos hoje.

O planeta tem três luas... habitadas. Uma delas apenas por dragões, ou o que seriam dragões, que fazem incursões ao planeta, numa espécie de simbiose. Eles simplesmente voam espaço afora, acreditem, prendendo o fôlego. As outras duas luas ainda não foram estudadas.

Não. Claro que não é algo sobrenatural, o que se denomina magia, aqui é algo perfeitamente explicável e fácil de se entender. Para eles. Não para nós. Pelo menos não sem algumas dezenas de anos de estudo. Coisa que não vai acontecer, sem o consentimento tácito, dos líderes desde e de qualquer mundo descoberto. No máximo, observação.

Oh, não acredito. Uma cidade inteira parecida com aqueles azuizinhos... de um desenho animado, acho que foram histórias em quadrinhos, primeiro. Avatar, não. Detesto essa sua fixação por esta película ruim. Ah, achei aqui, Smurfs. Mas não parecem tão pacíficos.

Sim, precisamos terminar e passar para o próximo. É que eu estava me perguntando se haveriam sereias. Entende, meio mulher, meio peixe, seminuas... PLAF.

Detesto essas missões feitas como casal. Vou pedir transferência.


2 comentários:

hanscartwright disse...

Com certeza vou imprimir e montar como
comic book. Se Moebius estivesse vivo ele diria que esse é o caminho
das melhores HQs que se produzem.
É feito de forma espontânea e
com dedicação. Sempre o resultado é
acima do que se espera.
Parabéns, mais e mais...

Eustácio disse...

Argumento muito bom. Por favor desenvolva explorações periódicas á este mundo. Daria para desenvolver uma série da Vertigo ou até mesmo uma série de tv.

Business

category2