quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Uma Parábola na Rapadura


DEUS E A CRIANÇA, UMA PARÁBOLA
Escrita pelo apóstrofo Eudes Honorato

Image and video hosting by TinyPic


Um dia Deus estava entediado, coisa que acontecia de vez em quando, sendo que esse de vez em quando era separado por milhares de anos. Ele andava por lugares semi-desertos, sem ser notado. Não se disfarçava de velhinho, nem de mendigo, achava isso clichê demais. Vinha apenas como uma pessoa comum, simples, e essas são as mais invisíveis. Andava para lá e para cá refletindo sobre tudo. Desta vez, quando estava sentado em uma pedra, veio uma criança, pequena, e avistando-o, se aproximou e perguntou:

- Quem é você? - Deus decidiu dizer a verdade.
- Sou Deus.
- Aquele, do céu?
- Sim, sou seu Pai.
- Maaaas... eu já tenho pai.
- Também sou o Pai de seu pai.
- Então o senhor é meu vovô?
- Talvez, não tinha pensado nisso.
- Mas já tenho também, dois. E uma vovó. A outra foi para o céu. Tem visto ela?
- Não, não. Sou um pouco ocupado e são muitas pessoas por lá.
- O senhor criou tudo?
- Sim.
- Meu irmão mais velho não acredita no senhor. O senhor criou ele também?
- De certa forma sim.
- Ele vai pro céu mesmo se não acredita no senhor?
- O que você acha?
- Acho que ele vai pra onde ele quiser. É o que ele sempre me diz.
- Talvez ele esteja certo. E você, acredita em mim?
- Não sei. Eu esperei Papai Noel uma vez e ele nunca veio. Acho que ele não existe.
- Mas eu estou aqui, na sua frente.
- Faz alguma coisa de Deus. Uma mágica.
- Sim.

Deus pegou um punhado de terra e do meio dela fez crescer, aos poucos uma pequena flor branca, diante dos olhos da criança.

- Minha mãe também faz isso. Só demora um pouco mais. Ela tem um jardim. Ela também é Deus?

Deus olhou para a criança por alguns segundos e, por um momento se sentiu como se fosse ela, cheio de perguntas, pela primeira vem em sua eterna vida. Então respondeu:

- Provavelmente sim. Provavelmente sim.

E, depois de passar a mão na cabeça da criança, seguiu seu caminho.


AS PRESEPADA DO CABRA-ARANHA
Escrevinhada por Eudes Horonato

Image and video hosting by TinyPic


Você pode se achegá
Porque agora vou contá
Uma história muito doida
Mas que vai te agradá

O garoto Peter Parke
Que aranha nunca viu
Quase teve um ataque
Quando uma nele caiu

Deu uma picada em seu braço
Pra piorar ninguém avisa
Que a aranha tinha um traço
De uma coisa radioativa

E o cabra estremeceu
E suou até pingar
E a aranha a ele deu
Superpodê pra escalar

Mas o xibungo foi lutar
Pra ganhar algum dinhero
E deixou foi escapar
Um ladrão muito fulero

Complicando essa história
O ladrão matou seu tio
Maldita seja essa escória
Que não tem lei e nem brio

Então assim teve de ser
Ele aprendeu com pouca idade
Que com esses grande podê
Vem grande responsabilidade.

E aí virou super-herói
E prendeu muitos bandido
Pois a verdade sempre dói
E agora é da vizinhança amigo


ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO UNIVERSO X
Uma mordida maior que a boca

Image and video hosting by TinyPic


Nunca mais anúncio para breve uma HQ que tem 700 páginas. Foi uma baita idiotice. Mas, acalmem-se, faltam agora 200 páginas para terminar, bem menos do que quando comecei. Vamos que vamos.


10 comentários:

Anônimo disse...

aproveita e faz o 1001 comics kkk

Anônimo disse...

Força nesse Universo X ae. Tambem, depois de escanear esse calhamaço, nunca mais irá reclamar de escanear esses encadernadinhos mixurucas que mal param em pe.

Anônimo disse...

Aguardo Paraíso X para o proximo aniversário. E, Eudes meu filho, por tudo o que ha de mais sagrado, ESCANEIA SUPREMOS pra nós - volumes 1 e 2, que sao os que valem :)

joalfa666 disse...

Eudes, parabéns pela parábola.

Eudes Honorato disse...

Obrigado, Joalfa :)

Anônimo disse...

Eu aniversario dia 15 de Dezembro. É sua data limite, hein Eudes!! Acho Paraiso X vai ser o meu presente de aniversario. kkkkk

João Antonio Nunes disse...

Parabéns pela Parábola Eudes impressionantemente legal!

João Antonio Nunes disse...

E força Man. Use seu fator X ao máximo nessa empreitada no Universo X!!

Eudes Honorato disse...

rsrsrssr Obrigado, João. Agora é mais fácil depois que se passa de 500 paginas, fica-se anestesiado.

João Antonio Nunes disse...

Caramba!!! Nossa imagino o trabalhão. Cara sem dúvida você é o nosso herói dos scans!!

Business

category2