segunda-feira, 20 de abril de 2015

Revista Animal 2.0 #05


REVISTA ANIMAL #05 de 22
Digitalização e Restauração 2.0 by HORDA Comics


Image and video hosting by TinyPic
PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI


O final dos anos 80 foi uma época muito especial para os quadrinhos no Brasil. Até então, a nona arte era vista em nosso país como uma mídia intrinsecamente infanto-juvenil e as revistas nas bancas refletiam essa concepção, tanto no formato pequeno, nas cores primitivas e nas impressões desleixadas, quanto no conteúdo dominado pelos super-heróis das editoras Marvel e DC. O conceito de quadrinhos para adultos se restringia a publicações underground, normalmente de vida curta, ou a álbuns de autores europeus, raros, vendidos em livrarias e de preço pouco acessível ao leitor comum.

As coisas começariam a mudar em 1987, com a publicação de Batman - O Cavaleiro das Trevas. Revistas como Chiclete com Banana e Circo já apontavam para a existência de uma demanda por quadrinhos adultos, mas foi o êxito da obra de Frank Miller que consolidou a noção de que era viável lançar HQs mais sofisticadas nas bancas comuns.

E essas obras vieram, seja na forma de minisséries de luxo, graphic novels ou revistas regulares. Nomes como Watchmen, Lobo Solitário e Love & Rockets fizeram a alegria de uma geração de leitores e se tornaram sinônimos de excelência nos anos seguintes. No entanto, dentro desta safra tão especial, um título se destacou como o mais inovador, radical e inusitado: a revista Animal da VHD Diffusion. (Continue lendo a matéria no Universo HQ)


Um comentário:

kirk disse...

Bah, sensacional. Eu comprei em banca todos os números que saíram desta revista. Sua qualidade de impressão e o mix de material europeu saltavam aos olhos dentre as opções na época.

Business

category2