quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Mostra Ralph Bakshi e Cia.

MOSTRA RALPH BAKSHI & CIA.
Longas animados do diretor e outros

fritz_the_cat_xlg copy
PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

Ralph Bakshi é um daqueles ícones do mundo pop que nem todo mundo conhece e, mesmo assim, continua sendo um ícone. Hoje em dia é um senhor de 76 anos e pouca gente sabe que ele revolucionou o modo de fazer animação, elevando esta arte para um status mais elevado, o de entretenimento adulto.

Durante a década de 60 Bakshi foi apenas aquele trabalhador da indústria de animação que fazia apenas seu feijão com arroz. Trabalhou em animações infantis como Super Mouse, Faísca e Fumaça e esteve envolvido até na primeira animação do Homem-Aranha, aquela que popularizou a musiquinha tema do cabeça de teia.

A partir da década de 70, isso mudou. Bakshi passou a ser o homem das animações underground, assim como já existiam os quadrinhos undergorund. Por coincidência – ou não – sua primeira animação neste estilo foi justamente do gato criado pelo maior expoente dos quadrinhos underground, Robert Crumb.

Crumb não viu isso como uma lisonja e sim como uma afronta. Os direitos foram cedidos a sua revelia, e Crumb acabou até mesmo matando Fritz, o Gato, para impedir mais animações (não conseguiu).

Porém, para Bakshi, o caminho das animações mais ousadas. Infdelizmente não estão nesta coletânea as que ele fez a seguir: Heavy Traffic, Streetfight e outro de 1981, Hey, Good Lookin’.

Em 1977 realizou Wizards, uma animação que juntava fantasia e realidade, quando magos do mal conseguem ter acesso a tecnologia da Segunda Guerra Mundial. Em seguida veio a primeira adaptação para as telas de O Senhor dos Anéis, onde Bakshi mais uma vez usava a técnica da rotoscopia, animando filmagens de atores reais, técnica já usada por Disney desde A Branca de Neve e Os Sete Anões.

American Pop foi sua produção seguinte, em que conta a história da música nos EUA, através dos olhos de um jovem filho de imigrantes. É show para os olhos e para os ouvidos. Em seguida tivemos Fire an Ice, uma animação que contava com os talentos de Roy Thomas nos roteiros e de Frank Frazetta no design dos personagens. Era a animação de Conan, o Bárbaro, sem a presença do mesmo.

Seu último trabalho mais conhecido foi Cool World – Mundo Proibido, que misturava animação e live ation com o jovem Brad Pitt, Kim Basinger, e Gabriel Byrne. As comparações com Uma Cilada Para Roger Rabbit foram inevitáveis e isso pode ter ajudado a que essa produção tenha sido execrada pela crítica.

Depois disso esteve envolvido em produções para a TV sem muito sucesso. Aproveitando a onda do crowndfunding, Bakshi está produzindo um curta animado chamado Last Days of Coney Island.

HEAVY METAL, MAIS FRITZ E OUTRAS ANIMAÇÕES
Uma viagem pelas animações mais ínteressantes do mundo

nine_lives_of_fritz_the_cat copy
PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

As animações acima nenhuma delas tem a ver com Ralph Bakshi. Duas delas no entanto são continuações – ou quase continuações – de dois de seus trabalhos.

The Nine Lives of Fritz, The Cat parece até uma resposta mal educada ao ato de Crumb de matar seu personagem. Detentores dos direitos de animação, a produtora resolveu fazer mais esse e ainda colocou um título irônico. Se é bom? Só assistindo pra saber.

O Retorno do Rei não é uma sequência feita por Bakshi, mas é a sequência natural de Senhor dos Anéis – A Irmandade do Anel. São produções que valem mais pela curiosidade.

A animação cult Heavy Metal de 1981 está aqui, primeiro porque que quero, e segundo porque ela é um animação adulta que lembra muito o estilo de Bakshi. A maioria das histórias são retiradas da revista Heavy Metal.

Mutant Aliens é uma animação diferenciada mais recente, do genial Bill Plympton. Está em francês porque foi o único arquivo que consegui encontrar. As legendas foram feitas por mim.

O-Planeta-Fantástico-1973 copy
PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

E, por fim, o bônus do bônus: Planeta Selvagem, animação francesa, junto com Mestres do Tempo, que tem participação na produção de ninguém menos que Mpebius. Allegro Ma Non Troppo (Alegria e Fantasia), resposta bem humorada ao Fantasia de Disney. Animal Farm, que não preciso dizer que é a animação do livro de George Orwell, A Revolução dos Bichos. When The Wind Blows, produção delicada sobre uma fatídica guerra nuclear e como ela atinge um casal do interior da Inglaterra. E, finalmente, The Haunted of Superbeasto, animação totalmente louca de ninguém menos que Robbie Zombie.

7 comentários:

Anônimo disse...

Pô, baixei estas animações semana passada, Eudes... Isso que é transmissão de pensamento!

Luisinho Smurf disse...

Beleza de postagem.....cara!! Brigaduuuuu...

Bombai disse...

Eu não tenho palavras para expressar a minha alegria por ter estas animações tão raras. Muito obrigado por mais estas relíquias.

Rafael disse...

Excelente post! Muito obrigado por compartilhar essas pérolas!

Pedro disse...

Man, muuito obrigado! Sou apaixonado nessas animações Adultas/Underground. Também não acho que Bakshi deveria ter feito isso com Crumb em relação a Fritz, mas foi assim que o conheci... rsrs

Anderson "ANDF" Ferreira disse...

Deve ser difícil de achar o Hey, Good Lookin' e Coonskin, né? Deve ter no Youtube, mas sem legendas.

Leandro lima oliveira disse...

Senhor Eudes, um dia tudo dará certo e vou ao Rio de Janeiro te levar um presente. Não vai pagar tudo que fez pela cultura que adquiri, mas farei questão assim mesmo. Sou muito agradecido!

Business

category2