terça-feira, 28 de junho de 2016

Outros Heróis

HQ VINTAGE - O PASSADO QUE MOLDOU O PRESENTE DAS HQs



Desde que vi uma HQ digitalizada pela primeira vez lá em 2002, em um pequeno site, escondido nos recônditos da internet, em que se baixava página por página, até os dias de hoje em que se pode ler on line e baixar pacotes de HQs completas, já se passaram muitos anos e de um que eu conhecia, hoje existem dezenas. A grande maioria fazendo ótimo trabalho. Alguns especializados em um genêro ou editora específica.

É o caso aqui do HQ VINTAGE, especializado em quadrinhos antigos dois nossos amados e idolatrados super-heróis, salve, salve. Para nos dizer mais sobre esse projeto, vamos "escutar" se fundador, Nano Falcão: 

Eu tenho esse blog como um pequeno hobby, onde traduzo/escaneio algumas revistas clássicas antigas, muitas das quais pouco ou nunca publicadas no Brasil, algumas delas apenas na época do preto e branco ou formatinho.


GUARDIÕES DO GLOBO - UM BLOG COM EXCELENTE IMAGEM


O blog GUARDIÕES DO GLOBO me obrigou a ler scans. Eu explico melhor: apesar de digitalizar muitos quadrinhos, essa mesma atividade fazia com que eu não tivesse tempo para ler scans feitos por outros. Porém, quando finalmente descobri o Guardiões do Globo, com sua especialidade em Image, eu tive de arranjar um tempo para isso, pois não fazia ideia da quantidade de material existente lá, e com essa qualidade maravilhosa com que a Imagem vem nos brindando já tem um tempo, desde que se livrou da... imagem com que ficou conhecida nos anos 90, onde seus quadrinhos eram apenas sobre heróis e esteróides, com alguma intervenção do Mago Moore de vez em quando. Agora, até Moore elogia - de verdade - os quadrinhos deles, no caso, The Wicked and The Divine. 

Graças ao blog, a seção Scans Que Eu Li está sempre recheada de bons quadrinhos que eu parei... e li. 


GUIA EBAL - SALVANDO O LEGADO DE UM HOMEM


Desde que li o livro Guerra dos Gibis de Gonçalo Júnior, meu respeito por Adolfo Aizen, o fundador da Editora Brasil-América (EBAL), triplicou. O homem que fundou a editora também foi aquele que trouxe os quadrinhos de super-heróis para o Brasil. São estes quadrinhos que o GUIA EBAL se propôs a digitalizar e colocar a disposição de todos, como num verdadeiro museu em que você entra e leva uma cópia das peças ali expostas. 

O Guia Ebal faz aquilo para o qual os scans nasceram: a preservação da memória dos quadrinhos. Quando as cópias em papel não existirem mais, as cópias digitais ainda estarão por aí, sendo compartilhadas e o legado de um homem que fez alegre a infância de muita gente, nunca será esquecido.


6 comentários:

Nano Falcão disse...

Obrigado por me honrar num post do Rapadura, Eudes, ainda mais em tão nobre companhia dos blogs ali citados.

Aliás, um acréscimo: o forte do HQ Vintage tem sido revistas da Marvel e DC dos anos 60, flertando com os anos 50, 80, 70 e 40, não necessariamente nesta ordem, mas também estamos dando uma atenção a quadrinhos dos anos 60 como os da editora Warren, sucessora "espiritual" da EC, com suas revistas de terror e guerra (e futuramente ficção científica), além do faroste francês sessentista (já começamos a publicar a fase dos anos 70 aliás), Tenente Blueberry, a série onde Gean Giraud, o Moebius, de fato foi apresentado ao mundo.

Tá na nossa mira publicar uma revista do Spirit só com as histórias do Will Eisner na ordem cronológica e em cores, assim como os quadrinhos da EC - assim que eu conseguir tempo e colaboradores irei fazê-lo...

Meursault disse...

Cara, obrigado por sempre disponibilizar bons quadrinhos.

Daniel de Marins disse...

Realmente, depois do horror que foi os anos 90, hoje em dia a Image está infinitamente mais interessante que as duas maiores editoras americanas de comics juntas.

Anônimo disse...

Não precisa exagerar também né Daniel Martins, eu tenho acompanhado algumas coisas por scans da editora Image, e não é essa coca cola toda que vc tá dizendo não, ela apresenta títulos com propostas diferentes das duas grandes, más menos, bem menos.

Nano Falcão disse...

Eu concordo que a Image atualmente é a melhor editora, mas porque leio de tudo, então dá pra comparar, não é tipo um modismo infelizmente evidente nas redes sociais do "Tudo que vem da Marvel e DC é uma porcaria", não, nao é.

UM exemplo foi PREZ da linha DC YOU que tinha cara de revista da Image, e não fez sucesso algum. Tivesse um selo da Image na capa, tenho certeza que a crítica especializada ia pagar o maior pau pra revista...

Anônimo disse...

meu deus, é de ficar emocionado vendo esses blogs....
é um verdadeiro trabalho de memória....
espero que o pessoal que administra esses blogs tenha um backup desses arquivos guardados à 70 chaves!!!
Arquivo sumamente importante para a história das histórias em quadrinhos

Business

category2