quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Hamlet

COLEÇÃO SHAKESPEARE EM QUADRINHOS - HAMLET
Arquivo Digital enviado po: A Girl Without a Name/HORDA Inc.

PARA BAIXAR, CLIQUE EM MEGA ou MEDIAFIRE

Hamlet é a obra de Shakespeare que eu mais gosto. Mas, isso é chover no molhado. Assim como Romeu e Julieta e outras tantas de suas peças, já foi adaptado para o cinema inúmeras vezes, e para os quadrinhos algumas vezes, também. No entanto, esta nao é apenas mais uma adaptação.

A história do príncipe da Dinamarca que é intimado pelo fantasma do pai assassinado a vingar sua morte pelas mãos do irmão, tio de Hamlet, que casou em seguida com sua mãe, é adaptada de forma belíssima nesta HQ. O texto de Wellington Srbek segue bem de perto o original e as ilustrações de Alex Shibao dando a necessária majestade ao conto. 

Fingindo estar louco Hamlet começa a planejar sua vingança, não sem antes procurar ter certeza da culpa do tio, usando uma peça de teatro que será encenada no palácio para saber, pela reação do rei, se ele é realmente um assassino. 

Mais uma contribuição da Garota Sem Nome que só faz abrilhantar as páginas deste humilde blog que procura sempre ser ou não ser, está é a questão! 





8 comentários:

Anônimo disse...

Olá Eudes. Passando para avisar que o link do MEGA está errado.
Abraço

Eudes Honorato disse...

Opa, obrigado

Ozymandias Realista disse...

Quem diria, senhoras e senhores...

Leitor Degibi disse...

O blog é e sempre será o que já foi e continua sendo.
A Garota sem nome é uma importante integrante da HORDA Inc. S/A - Horda Incorporation Scans Animais de bacanudos.
Sem fantasmas e sem matar ninguém, vocês são matadores.
Muito obrigado e parabéns!

Anônimo disse...

"Hamlet é a obra de Hamlet que eu mais gosto." opa! rs

Garota Sem Nome disse...

Eudes, fico imensamente grata pelo carinho.

É você quem mantém esse blog há anos.

Sendo assim, meu caro, quem consegue abrilhantar essa paginas todos os dias é você! =*

P.S: Para quem acha que não, também leio gibis de super-heróis, gosto de sanguinolência, terror, sci-fi e de tudo e um pouco mais que é compartilhado aqui no Rapadura.

Eudes Honorato disse...

Opa, obrigado, anonimo, quase sempre tenho feito os posts perto da hora de dormir, e dá nisso hahahahheua.

Obrigado, Garota Sem Nome, o que mais gosto nas colaborações que venho tendo, sua, do HJomem sem Home do Renato PLT, é que me faz relembrar o começo do blog, quando eu tinha alguns colaboradores, como agora. É uma nostalgia boa.

Garota Sem Nome disse...

Para comemorar a "nostalgia boa" vou enviar mais um arquivo. ;)

Se está falando do começo do blog se refere a um passado longínquo. Nesse navio muitos tripulantes perecem, mas o capitão continua ali no leme, sem abandoná-lo.

É duro ser aquele que vê chegar e vê partir. Que continue assim, duro como o aço! Por muitos e muitos anos. ;)

Business

category2