terça-feira, 15 de janeiro de 2019

O Voto Contra Si Mesmo

A HISTERIA COLETIVA QUE LEVOU
JUDEUS A VOTAREM EM HITLER


Que discurso inflamado e que deixa claro suas conotações racistas é tão poderoso a ponto de aqueles que são citados como inimigos do povo, no discurso, ainda assim votarem no homem que aparece com tal retórica? Como as pessoas ficam cegas, surdas e mudas diante de algo que está ali, na sua frente, sendo esfregadas na cara delas? Talvez seja algum tipo de transe ou histeria coletiva, só sei que, mesmo Hitler sendo o racista e antissemita que era, amealhou votos de muitos judeus lá nos primórdios do Partido Nazista. 

Hitler e os alemães em geral não escondiam seu antissemitismo. O racismo contra os judeus era propagado aos quatro ventos em revistas e jornais com esta temática específica. Os discursos de Hitler também não deixavam muita dúvida sobre seus sentimentos para com os judeus e, se não bastasse isso tudo, seu livro, Mein Kampf, praticamente desenhava isso. No entanto, por mais idiota que possa parecer, havia uma parcela de judeus que o apoiava ainda assim. 

O líder dos judeus que tinham essa mentalidade era Max Neumann, fundador, em 1921, da Associação de Judeus Nacionais Alemães, que tinha por objetivo a absorção dos judeus pela cultura alemã. Os integrantes dessa associação fazia parte de uma corrente de judeus que, desde meados do século 19, havia começado a rejeitar suas raízes, portanto, não era glo novo, mas que atingiu seu ápice ao apoiar o líder nazista. 

Por que, mesmo sabendo da ideologia de Hitler no que dizia respeito ao judeus, os membros dessa associação ainda assim votaram no Partido Nazista? Segundo historiadores eles consideravam os discursos de Hitler apenas como algo para "inflamar as massas". Ou, como se diria hoje em dia, que ele estaria falando "apenas da boca para fora". 

Um ano após chegar ao poder, Hitler declarou A Associação de Judeus Nacionais Alemães ilegal. Muitos deles foram levados para campos de concentração, incluindo Max Neumann. Este ainda foi liberto poucos dias depois, mas morreu de câncer quatro anos depois. 

A confiança cega que tinham em Hitler atrapalhou até mesmo a fuga de vários desses membros, que poderia ter ido embora, mas esperaram demais, achando que a coisa não era tão séria assim. 

Que tipo de transe faz com que as pessoas votem contra si mesmas? Que tipo de discurso tão claro e direto, parece não ser entendido por quem é vítima dele? A obsessão por mudança é tão grande que não importa se seremos prejudicados no processo? Talvez a psicanálise tenha as respostas, porque só sei de uma coisa, é Freud.

P.S.: Dizem que havia uma piada sobre esta Associação de que quando eles terminavam as reuniões saudavam Hitler e gritavam: "ABAIXO A NÓS MESMOS!"

15 comentários:

Anônimo disse...

é quando as baratas elegem o exterminador!

Só existe um discurso: as contas públicas (a grande massa), mas ninguém se perguntou por que ninguém fala de câmbio (agronegócio) ou juros (rentistas)e que os USA tem o maior défict público do mundo e nem por isso tem menos credibilidade e, ainda, por que a graqnde mídia segue esse mesmo discurso (patrocínio bancos e agronegócio)!!!???

Pesquisem o que é a "doença holandesa" na economia!

TERTÚLIAS FLÁCIDAS PARA ACALENTAR BOVINOS!

Unknown disse...

Num grupo do Facebook de Hqs, um cara postou uma foto de uma revista do Demolidor 17,onde Wilson Fisk era candidato a prefeito de Nova York. A questão debatida, foi a Panini ter traduzido uma arte dos quadrinhos onde uma mulher segurava um cartaz escrito Fisk Mito, em inglês. Perguntem sr houve debates ou só xingamentos.

Anônimo disse...

O voto obrigatório também ajuda a ferrar tudo.

Sergio Pereira disse...

A propósito, hoje (15.01) na Folha de SP "Vereador de SP quer acabar com cotas para negros em concursos municipais
Fernando Holiday (DEM) avalia que essa política pública é racista" e do boca pra fora, em 26 de outro de 2018 ‘Homofobia de Bolsonaro é da boca para fora’, diz Regina Duarte
Para a atriz Regina Duarte, declarações do candidato – a quem ela apoia – são fruto de ‘jeito masculino’

Anônimo disse...

Não avisaram o Nethanyahu q o Bolsonaro é nazista? É! O Merdes q descobriu!Pândego!

Eudes Honorato disse...

"Não avisaram o Nethanyahu q o Bolsonaro é nazista? É! O Merdes q descobriu!Pândego!"

O nazistinha brasileiro logo veste a carapuça todo lépido e faceiro. Calma, nazistinha, vc é só um bostinha que se acha alemão.

Anônimo disse...

mudam apenas os orifícios, mas o produto é o mesmo!

esquerdopatas ou direitopatas!

O universo tende à entropia, só nós tendemos aos extremos!

Olem o trump afundando e à beira da receção, acelerada pelo muro da vergonha... Olhem o Brexit ruindo e deixando a grã-bretenha a beira do colapso absoluto... olhem o que opiniões inflamadas, egos inflados e eleitores irresponsáveis provocam!

savamu

JoguL disse...

E depois de tudo o que vivi - ditadura militar, esperança e decepção vermelha, a última década -, do alto dos meus 65 anos, renuncio à minha cidadania brasileira e me declaro argentino. Antes ser reconhecido como um filho da puta do que um representante deste povinho de merda.

Eudes Honorato disse...

Faço um post que não aparece o nome de Bolsonaro em lugar algum e o bolsominion neo-fascistinha já corre e coloca a carapuça do presidente corrupto dele. Hhaahahahheuahuehauhea

Anônimo disse...

Eudes, nos últimos 14 anos não li nenhum post seu 'indignado' contra o governo dos petralhas, aonde vc estava, na Zona Fantasma?

Alex

Eudes Honorato disse...

"Eudes, nos últimos 14 anos não li nenhum post seu 'indignado' contra o governo dos petralhas, aonde vc estava, na Zona Fantasma?"

O blog sendo meu, aparentemente, eu decido quando e sobre o que escrever, não posso escrever sobre os que as pessoas querem ou determinam. Vc parece não ler os textos, então não sabe o que acho do governo dos petralhas, sem contar que nao estava em meu facebook pra saber, TODO mundo que faz essa pergunta, TODOS seme exceção, fazem pq estao putos pq critico o presikdente corrupto em quem votaram.

Anônimo disse...

Livro: Nos Bastidores do Reino de Mario Justino (em PDF)

SINOPSE
Pela primeira vez, um ex-pastor da Igreja Universal do Reino de Deus revela com enorme impacto os segredos da seita do bispo Edir Macedo, hoje espalhada por quase todo o mundo. A obra caiu como uma bomba sobre a organização de Macedo, que conseguiu na Justiça uma liminar impedindo provisoriamente a circulação do livro, que ficou apenas 22 dias nas livrarias, desde seu lançamento, em novembro de 1995. A editora lutou e conseguiu, na Justiça, a liberação da obra, em que o ex-pastor Mário Justino narra sua amarga experiência com religião, drogas e o submundo do crime, no Brasil e em Nova York. Um livro recomendado para jovens e que foi adotado como educação para a cidadania por vários professores.

BAIXAR EM PDF
É só clicar no botão verde onde está escrito DOWNLOAD (1.04MB) e será baixado automaticamente.

http://www.mediafire.com/file/zkxcyleck3a1c59/NOS+BASTIDORES+DO+REINO+-+MÁRIO+JUSTINO+-+COMPLETO.pdf

Anônimo disse...

Sempre venho ler os comentários e ver a galera tretando por aqui

Anônimo disse...

A formiga vota no inseticida por raiva da cigarra

Acácio Moreira disse...

"...pq critico o presikdente corrupto em quem votaram."
Já saiu alguma condenação ou ao menos denúncia acatada?

Business

category2