terça-feira, 30 de abril de 2019

Sem Mea Culpa

SEM AUTO-CRÍTICA E MEA CULPA, NÃO DÁ NEM
PRA COMEÇAR A LEVAR A SÉRIO


Lula é carismático, sabe falar, e mesmo sendo pouco escolarizado,  consegue se expressar melhor até que o próprio juíz que o colocou na cadeia. O tal juiz logo aceitou o cargo de Ministro da Justiça, colocando em dúvida tudo que ele fez em relação ao ex-presidente, reforçando, assim, uma espécie de teoria da conspiração que acabou se tornando uma narrativa plausível, ainda mais depois de o nobre conge soltar uma delação premiada durante a época de eleição. Ou seja, Sérgio Moro, o Herói Nacional, transformou ele mesmo, Lula em um preso político. E os militantes estão adorando isso. 

Lula dar entrevista é algo normal, se Suzane Richtofen pode ir á TV falar asneiras, porque o ex-presidente não pode? Depois da saga que foi para conseguir a liberação, ele foi lá e falou por duas horas. O medo que a direita parece ter de que Lula fale, fez com que a demora na liberação acontecesse. Porém, os últimos embates sobre liberdade de expressão, acabaram por ajudar Lula. 

Muito se tem falado da incrível entrevista dada por ele, em duas horas ininterruptas, falando de assuntos pertinentes e criticando o governo, coisa que não é preciso muita força. Não vi a entrevista, não aguentaria duas horas de demagogia e língua presa. 

Minha única restrição à prisão de Lula, é que outros estão soltos, e vão continuar assim. Outros esses que vão desde maquinadores do assassinato de primos, até donos de helicópteros em que o "piloto" usava para transportar meia tonelada de cocaína. Esses e muitos mais. Gente com muitos crimes nas costas. Fora isso, minha visão de Lula é a mesma de antes dele ser preso: alguém que fez da política um negócio. Alguém que traiu seus ideais.  

O texto linkado abaixo da imagem, do Blog do Josias, que não sei se é de direita ou de esquerda, deixa claro que Lula fez críticas, mas não auto-crítica. Paulo Ghiraldelli, em seus vídeos - que gosto muito, mas não preciso concordar com todos - está meio deslumbrado com a sagacidade de Lula e diz que não é momento para auto-crítica, que isso é passado. Eu discordo. TODO momento é momento para auto-crítica, principalmente quando esses erros que precisam de uma mea culpa, resultaram na situação periclitante em que nos encontramos agora, com um presidente eleito por causa de um anti-petismo fanático. 

Como diz Josias, foi com "o beneplácito de Lula que o PT se tornou uma máquina coletora de propinas. Foi com o apoio de Lula que Dilma mergulhou o país nesta recessão e foi por causa disso tudo que Bolsonaro surfou na onda anti-petista e ganhou". Aliás, esse parágrafo é para os lulominions que vierem me perguntar o que Lula fez de errado, como sempre fazem. Não responderei, pois aqui já está o que precia ser dito. 

Lula precisa acordar desse torpor e logo. Isso não vai fazer com que ele seja liberto, mas, quem sabe, dentro de si, ele consiga a liberdade que a confissão dá aos contritos. E que nas próximas eleições procure apoiar alguém que não seja apenas uma sombra sua. Lula precisa deixar que a sede de poder vá e, quem sabe, cantar como Elsa, girando e girando na neve de Curitiba: Livre estou, Livre estou! 

E pelo amor de Darwin, que os lulominions se contenham nos comentários. Já me basta o ódio chiliquento dos bolsominions. Boa noite. 


segunda-feira, 29 de abril de 2019

Goon

GOON, O CASCA-GROSSA - ERIC POWELL
Digitalização e Tratamento 2.0: Outsider Z/HORDA Inc.

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou GOOGLE DRIVE

Lá se vão 13 anos desde que digitalizei Goon, o Casca-Grossa pela primeira vez, e lá se vão 20 anos desde que Goon foi criado e só tivemos este encadernado publicado no Brasil. Goon já acumula, desde então, 16 volumes de TPBs, pela Dark Horse (encadernados). 

Goon foi criado por Eric Powell em 1999, e foi publicado pela Avatar Press e Albatroz, antes de ser adquirido pela Dark Horse. Goon é um brutamontes que foi criado em um circo, onde sofreu uma grande tragédia provocada por um mafioso que lá foi se esconder. Depois disso, ele mesmo, ainda garoto, decidiu que iria ser alguém a quem os outros temessem. 

Junto com seu amigo Franky, enfrenta o Pastor Zumbi e sua horda de mortos-vivos. Além disso, Goon precisa sempre estar pronto a ter de se confrontar com todo tipo de aberração que aparece pela frente, sejam monstros, mafiosos, bruxas, vampiros e etc. 

Goon parece uma versão humana de Hellboy, não é a toa que os dois se encontram na última história deste volume. Porém, Eric Powell soube dar uma atmosfera própria e um estilo só dele, com um humor negro envolto em uma espécie de melancolia que acompanha o personagem. Não é a toa que The Goon já ganhou cinco Eisner Award.

Neste volume, além da aventura com Hellboy, Goon enfrenta os Irmãos Lodo, um Hombre-Lagarto, o Dr. Metallus e, claro, o Pastor Zumbi. Sem contar que precisa salvar um homem que a única coisa que quer no mundo é morrer. 





Rapadura News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO BRASIL DESGOVERNADO









domingo, 28 de abril de 2019

Finalmente...

REVELADO O PROGRAMA DO GOVERNO BOLSONARO


Festival Mix 12

FESTIVAL MIXÓRDIA - PARTE 12
Fogo, Sol, Reis, Operações, Irmãos e etc...



PARA BAIXAR, CLIQUE EM MEGA


1958 - Os Irmãos Karamazov (The Brothers Karamazov, Richard Brooks): 1870, Ryevsk, pequena cidade na Rússia czarista. Fyodor Karamazov é um viúvo mulherengo, que por vários motivos entra em choque com seus filhos: Ivan, um escritor; Alexi, um padre; e Dmitri, um militar. Dmitri alega que Fyodor roubou a herança deixada pela mãe dele. Há também Smerdjakov, seu filho bastardo, um epiléptico que Fyodor trata como se fosse um serviçal. Dmitri está noivo de Katya, que recebeu uma grande herança e o ama. Dmitri, por sua vez, se sente muito atraído por Grushenka, a amante de Fyodor. Neste turbulento contexto Ivan passa a amar Katya. (BRRip/MKV/Áudio selecionável em inglês e português/Legenda selecionável em português/139 min./3.01 GB)

1968 - Os Mercenários (The Mercenaries/Dark of the Sun, Jack Cardiff): Um mercenário, Curry (Rod Taylor), acompanhado de um amigo, Ruffo (Jim Brown), comanda um grupo no Congo, numa jornada de 300 milhas em território rebelde, para recuperar diamantes avaliados em US$ 50 milhões e resgatar, se possível, os habitantes de uma região. Entretanto esta missão precisa ser executada em três dias no máximo. (BRRip/MKV/Áudio selecionável em inglês, francês e português/Legenda selecionável em português, francês e inglês/100 min./4.07 GB)

1973 - Pat Garrett e Billy The Kid (Pat Garrett and Billy The Kid, Sam Peckinpah): No Velho Oeste já em vias de se modernizar, o veterano Pat Garrett já não é mais um fora-da-lei. Pelo contrário, ele é eleito xerife local pela população de uma cidade, que acredita ser uma bela maneira de impor respeito. Já o ex-parceiro e amigo de Pat, Billy The Kid, continua levando uma vida errante como bandido sanguinário. Quando Pat Garrett recebe a incumbência de capturá-lo, inicia-se uma caçada sádica e um jogo de gato e rato que irá testar se a amizade entre ambos ainda existe. (BRRip/MKV/Áudio selecionável em inglês e português/Legenda selecionável em português-BR, português-PT e inglês/115 min./2.36 GB)

1981 - A Guerra do Fogo (La Guerre du Feu/Quest of Fire, Jean-Jacques Annaud): A reconstituição da pré-história, tendo como eixo a descoberta do fogo. A saga de uma tribo e seu líder, Naoh, que tenta recuperar o precioso fogo recém-descoberto e já roubado. Através dos pântanos e da neve, Naoh, encontra três outras tribos, cada uma em um estágio diferente de evolução, caminhando para a atual civilização em que vivemos. (BRRip/MKV/Áudio sem diálogos/Legenda em português separada para a a introdução/100 min./1.75 GB)

1982 - O Rei da Comédia (King of Comedy, Martin Scorsese): Filme cheio de ironia que conta a história de Rupert Pupkin, aspirante a comediante obcecado por se tornar um rei da comédia. Ele encontra seu ídolo e pede para fazer uma participação no talk show dele, porém é sempre enrolado. Pupkin não desiste e começa a mostrar o lado mais doentio de sua obsessão na busca de conseguir o que almeja. (BRRip/MKV/Áudio selecionável em inglês e português/Legenda selecinável em português e inglês/109 min./1.84 GB)

2016 - Operação Chromite (In-cheon sang-ryuk jak-jeon/Operation Chromite, John H. Lee): Quando as forças conjuntas da Coreia do Sul e dos Estados Unidos parecem prestes a perder a Guerra da Coreia, o General Douglas MacArthur (Liam Neeson) se junta à guerra e, durante a Batalha de Incheon, no dia 15 de setembro de 1950, ajuda as tropas a vencer o conflito e retomar o controle sobre Seul. (BRRip/MKV/Áudio selecionável em coreano-inglês e português/110 min./2.32 GB)


Verdades Indigestas

SARGENTO ELISANDRO LOTIN DE SOUZA




sábado, 27 de abril de 2019

Tempos Difíceis

EM QUE O GOVERNO SE PREOCUPA MUTO MAIS COM
PIRU DO QUE COM FILOSOFIA E IGUALDADE


Eu não acreditei totalmente que Bolsonaro estava dando dicas de como se lavar o pau para ele não cair, até que o vídeo apareceu na minha timeline do Facebook. 

É tanta asneira que muitos pensam que essas bizarrices são para tirar a atenção da Reforma da Previdência, da compra de votos por 40 milhões a cabeça, do sigilo colocado sobre os estudos sobre a Reforma. Porém, acho que é atribuir a ele uma genialidade que ele não possui. 

Até posso achar que seja o Guedes que diga, "olha, deixa ele e os filhos falarem e tuitarem, que a magia se faz sozinha e o povo desvia o foco da Reforma". Não há grandes planejamentos, eles apenas deixam rolar. 

O problema é que no meio dessas asneiras vem também coisas prejudiciais ao país. Bolsonaro nunca escondeu que era racista, homofóbico e sexista. Na verdade, parece ter orgulho disso. Ao vetar um simples comercial do Banco do Brasil, deixou claro seu racismo e homofobia. Homofobia essa que ele disse que, como deputado que era, podia exercer. 

Bolsonaro também já deixou evidente em frases suas que não quer saber de aluno com senso crítico, e que não quer que aprendam política. Com sua decisão de tirar filosofia e sociologia da escola pública, deixa claro que quer um país de descerebrados que não possam criticar o governo. Uma nação de olavetes. Uma nação de pessoas que existam apenas para serem exploradas. 

Pessoas que não possam criticar o fato de que o primo de seu filho, Carluxo, o tal Léo Índio, agora também faz parte da mamata, ao conseguir um emprego com um senador. Pessoas que não perguntem pelo Queiroz, que não perguntem quais as providências que se tomará contra o Ministro do Turismo, corrupto e que anda ameaçando os outros de morte, por conta das denúncias de seus laranjas.

Bolsonaro quer mais pessoas que se desdobrem em defender cada merda que ele faz, seja retirando direitos dos trabalhadores para a alegria e lucro dos grandes empresários, seja cortando verbas para áreas essenciais como ciência e educação. Bolsonaro não quer pessoas aprendendo a criticar a quantidade absurda de agrotóxicos aprovadas por seu governo. Agrotóxicos proibidos em outros países, a pontode ameaçarem cortar exportações se isso não diminuir. 

Bolsonaro quer mais pessoas que possam ser controladas por astrólogos decrépitos, mas que sabem muito bem como influenciar pessoas que não tem senso crítico algum, pois não aprenderam o que isso significa. Bolsonaro quer pessoas mais preocupadas em lavar a pica, do que preocupadas em ter seus direitos a ensino de qualidade cerceados. Bolsonaro quer um país de fracassados zumbificados. 

O ressentimento com a intelectualidade que lhe é escassa e aos seus filhos, faz com que ele coloque o Ministério da Educação nas mãos de um olavete ainda pior que o anterior. Bolsonaro quer que as pessoas ajam a pensem como ele e como seu guru de merda. 

O PT deixou o país com uma crise econômica nas mãos. Crise essa que Temer não conseguiu debelar. Crise essa que Bolsonaro se esforça em aprofundar. Mas, agora acompanhada de uma crise na educação, também. Pessoas burras vão apenas servir de gado, sem reclamar. Vão apenas ser mais uma engrenagem em uma máquina velha e enferrujada. 

A Nova Política de Bolsonaro é a Velha Política, a mesma, sendo a única diferença, o toque maligno que foi dado a ela. Parabéns a todos os envolvidos.

sexta-feira, 26 de abril de 2019

HMPM: Novos Mutantes

OS HERÓIS MAIS PODEROSOS DA MARVEL: NOVOS MUTANTES
Digitalização e Tratamento: Outsider Z/HORDA Inc.

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou GOOGLE DRIVE

O cenário da escola dos X-Men é um presente para os escritores. A decisão de fazer mutantes não só mais uma superequipe, mas uma equipe de superestudantes aprendendo a usar seus poderes, deu à série um potencial muito além do quadro padrão de super-heróis de quadrinhos. 

Isso os torna instantaneamente acessíveis - afinal, todos nós já passamos pela escola - e é o lugar perfeito para o tipo de histórias mais pé no chão que tornaram a Marvel famosa. O único problema é que uma hora os alunos têm de partir. Embora os X-Men tenham se "formado" em X-Men 7, eles permaneceram na escola pelo equivalente à faculdade dos super-heróis, consequentemente ajudando a treinar as novas gerações de mutantes. Em 1975, a primeira delas apareceu em Giant Size X-Men 1, anunciando um ressurgimento de sucesso. Então, sete anos depois, em 1982, uma nova turma estreou - Os Novos Mutantes. 

O primeiro de muitos spin-offs com a marca X [até demais para meu gosto], New Mutants escolheu a dedo os elementos-chave das duas equipes anteriores, porém com um toque moderno. Tal qual os X-Men originais, eles eram adolescentes, só que descobrindo seus incríveis poderes que subitamente tinham a seu dispor. 

Contudo, em vez da equipe formada apenas por americanos, os criadores Chris Claremont e Bob McLeod decidiram pegar mutantes de todo o mundo, assim como Len Wein e Dave Cockrum haviam feito em Second Genesis. O resultado é uma equipe que retoma a sensação de descoberta e deslumbre presente mas primeiras séries de Jack Kirby/Stan Lee, mas incorporando tensão e conflitos que conduziram à segunda formação. 

Retomando das ameaças na série original Uncanny X-Men, Marvel Graphic Novel 4 mostrou a estreia de sua nova força-tarefa consistindo de Karma, Miragem, Mancha Solar, Lupina e Míssil. Também viu o início das batalhas dos Novos Mutantes com o Clube do Inferno, que acabaria se tornando um sério problema para o grupo. 

No entanto, neste caso os membros do Clube do Inferno eram quase acadêmicos em seus papéis como vilões. A verdadeira força motriz por trás da história é o relacionamento entre os próprios Novos Mutantes, como eles superam suas incertezas e seus medos, e começam a trabalhar em equipe. Embora um olhar mais moderno possa considerar alguns diálogos e maneirismos levemente estereotipados, é impossível não aplaudir as intenções de Claremont e McLeod de criar histórias tão maduras e focadas mo desenvolvimento dos personagens. 

A seguir, temos A Saga do Urso Místico (Demon Bear Saga). Estava claro para os leitores que, apesar do elenco ser jovem, New Mutants desenvolveu um tom mais sombrio do que o esperado. E isso foi intensificado mais tarde pela chegada de Bill Sienkiewicz, cuja arte desconstruída e áspera foi considerada altamente experimental na época. 

Viscerais e perturbadoras, mas também muito belas, estas edições polarizavam os fãs de quadrinhos, contudo não há como negar que o estilo artístico se encaixa perfeitamente na história de Claremont. É um clássico terror adolescente dos anos 1980 reformulado mo grandioso estilo Marvel.

Por fim, a equipe iria se "formar" no Instituto Xavier tornando-se o grupo militante X-Force... mas vamos deixar essa história para outro dia. Por enquanto, lhes apresentamos a terceira geração de X-heróis, os Novos Mutantes (texto de Ed Hammond).





Casou Com o Presidente

VOCÊ CONCORDA COM OS TERMOS DE SEU VOTO? 
Clique em SIM se quer ser gado a vida toda


Em algum ponto do futuro próximo:

- Como assim o bolsonarismo era de direita. Meu filho, vá estudar! Todo mundo sabe que o bolsonarismo é de esquerda. O professor Otávio de Barbalho, em seu livro, O Limítrofe Coletivo, deixa isso bem claro. E tem mais, neste vídeo aqui, vemos Bolsonaro declarando seu voto em Lula. Ele e seus filhos eram comunistas declarados. Bolsonaro nada tem a ver com a direita. E tenho dito! 

Este é um discurso que pode não estar tão distante assim no futuro, haja visto que este governo se mostrar cada vez mais decepcionante para quem votou nele. Vídeos de pessoas se arrependendo, arrancando adesivos de carros, reclamando de prejuízos no agronegócio, ou simplesmente acordando para a vida, são frequentes. Mas, por enquanto, ainda persistem muitos fanáticos, inclusive vindo aqui no blog.

Como passei algum tempo sem escrever nada sobre o assunto, parece que não apenas eu senti falta, mas alguns dos fãs dos textos. Ficaram me enviando mensagens cobrando-me textos sobre a redução de pena de Lula ou simplesmente dizendo que eu estava quieto demais. Chegaram a ponto de ir ao meu Instagram para isso. Nem eu senti tanta falta de escrever os textos como parece que eles sentiram falta de lê-los. 

Essa obsessão por Lula - que, graças ao Deus dos ateus, não é a minha - por parte dos bolsominions parece ter mais a ver com medo do que exatamente com justiça. Se fossem tão preocupados comjustiça assim, estariam cobrando julgamentos e prisões de outros corruptos, como Aécio, Temer, Alckmin, e outros que, inclusive, estão no governo. Mas, dormem e acordam, em suas camas, mijadas, pensando se será hoje que Lula será libertado. 

Enquanto os de esquerda esperam por essa liberdade, os da direita bolsonarista parecem temer isso. Os dois lados devem ter delírios com Lula sendo solto, gritando SHAZAM! (Ou será ODEBRECHT!?) e voando em direção ao Planalto para salvar o Brasil, na visão dos esquerdistas, ou para tomar o poder e instalar a ditadura comunista, na visão dos bolsominions. Os dois lados carecem de visão crítica. 

Alguns ainda chegam a dizer, "ah, mas eu não concordo com muita coisa que ele diz/faz". Palhaçada! Mentira tosca do caralho. Concorda com tudo, se discorda é em coisa que não são essenciais para o país ou para a formação de caráter de um presidente. Concordam com tudo, passam pano, dão brilho, e ainda lambem o saco! A verdade é essa. 

É como se, na hora do voto,  lá na urna, tivessem assinado algum termo que os obriga a defender toda e qualquer merda que seus presidentes escolhidos fazem. Perdem o senso crítico, perdem a vontade própria e são agora meros robôs destinados a concordar e defender como se fosse a própria vida qualquer decisão de merda que essas pessoas tomem. 

Conversando com uma amiga sobre isso, ela disse que é meio isso mesmo. Em um livro que ela leu, que não lembrava o nome, disse que o autor escrevia que as pessoas, ao escolherem seu candidato e votarem nele, ao defendê-los acirradamente, sentem que não podem mais criticá-lo ou desistir dele, pois sentem que serão vistas com maus olhos pelas outras pessoas. Que serão de menos confiança por causa disso. Neste sentido, é como se elas tivessem realmente assinado um termo, um contrato, que as obriga a defendê-los até o fim. Enquanto essas pessoas honram seus contratos imaginários, o país vai sarjeta abaixo.

Na Reforma da Previdência, o presidente e o ministro da economia decretam sigilo sobre os estudos da mesma, como se quisessem que alguma coisa não fosse descoberta. Na educação, tudo continua parado, pois temos outro ministro olavete. Nas relações governamentais, o filho do presidente briga com o vice-presidente e, logo em seguida, troca a senha do twitter do pai. O presidente dá dicas sobre higiene peniana. 

São tantas coisas absurdas acontecendo, tantos desmandos todo santo dia, que é impossível escrever sobre tudo, a menos que você ganhe para isso. Na verdade, dá preguiça falar sobre esse governo. Cansaço. Sei que os fãs bolsominions ficam decepcionados, mas gosto de escrever quando tenho vontade, quando estou inspirado. E, uma coisa que esse governo não faz, é inspirar alguém. No máximo ele sufoca. 

A cada dia que passa me pergunto o que leva pessoas a abdicarem de seus direitos e ideias, apenas para concordarem com tudo. Não há limites. Vi gente defendendo a compra de votos para a Reforma da Previdência, o Bolsolão. Para eles, este governo pode tudo, mesmo que sejam coisas que o outro governo também fazia e eles criticavam. 

No fim das contas, parece que não importa o caráter nem a honestidade, as pessoas querem mais é idolatrar alguém, querem acreditar em um salvador da pátria, seja ele produtor de laranja ou um presidiário. É o pensamento mágico atropelando o pensamento racional, onde os super-heróis do mundo real só existem na cabeça vazia de gente idem. 


Comics Star Wars 05

COLEÇÃO COMICS STAR WARS - VOLUME 05 - CLÁSSICOS 05
Digitalização e Tratamento: Outsider Z/HORDA Comics

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou GOOGLE DRIVE

Todos sabemos como Han Solo acabou congelado em carbonite, mas o que aconteceu daquele momento em que Darth Vader o capturou na Cidade das Nuvens até que Leia, Lando e Luke o salvassem das garras de Jabba, o Hutt? 

Esse volume, parte integrante de Star Wars Classics: A Long Time Ago, publicado pela Marvel desde 1977, conta o que aconteceu durante esse período. Descubra como os rebeldes viajaram para salvar seu amigo e como elaboraram o plano para libertá-lo. E não percam também algumas revelações sobre o passado de nossos heróis. 

Para que você se inteire sobre a situação, é claro, este volume publica dos dois capítulos finais de O Império Contra-Ataca e, logo em seguida, as novas histórias exclusivas da Marvel. São ilustradas por Carmine Infantino e Walt Simonson. 

Temos também o número 50, que tem o dobro de páginas, e traz o retorno de Al Williamson no lápis. Os roteiros são de Archie Goodwin, Wally Lombego (quem?!), Larry Hama e Mike W. "Camelot 3000" Barr. 





quinta-feira, 25 de abril de 2019

Dr. Slump - Vol. 05

DR. SLUMP - VOLUME 05
Digitalização: Renato PLT e Tratamento: Outsider Z/HORDA Inc.

PARA BAIXAR, CLIQUE EM MEGA ou GOOGLE DRIVE

Arale e sua turma estão de volta em mais um volume cheio de loucuras. Logo de cara ela, Dr. Senbe e seus amigos formam uma força policial das mais atrapalhadas. Em seguida, Arale precisa fazer certos exames de saúde na escola, porém, logo fica claro que ela pode ser descoberta e Senbe passa a bolar um plano para que isso não aconteça.

Monstros atacam a Vila Pinguim. Uma vampirinha e seu amigo Frankenstein-Lobisomem vão até a casa de Senbe a procura de sangue e de dinheiro. Logo vão notar que as duas coisas são escassas ali. Em seguida, o Dr. Senbe instala um mecanismo nos olhos de Arale que lhe permitem ver tudo que ela vê, incluindo a professorinha. 

Kinoko, uma das personagens mais descoladas de Dr. Slump, resolve que está na hora de deixar sua casa e ser uma rebelde. Logo ela verá que isso não é tão simples assim. 

Arale e Gatchan trazem para casa um cachorrinho, o único problema é que Senbe detesta cachorros, graças a um trauma de infância. E agora? Em seguida, Arale e Senbe terão que lidar com uma despedida muito triste.

A escola da Vila Pinguin recebe um novo aluno, vindo da cidade grande, o que causa muita comoção entre os alunos. Ele logo sente que ali é um lugar onde nenhum homem jamais esteve. Logo depois, Dr. Senbe cria mais uma máquina louca. Ele constrói um aparelho que realiza os trabalhos e as coisas que ele apenas pensa. 

Por fim, um assassino profissional é contratado para matar Arale e P-Suke se apaixona pela primeira vez e seu irmão e Araledecidem ajudá-lo a conquistar a menina.






quarta-feira, 24 de abril de 2019

HMPM: Garota-Esquilo

OS HERÓIS MAIS PODEROSOS DA MARVEL: GAROTA-ESQUILO
Digitalização e Tratamento: Outsider, The Z/HORDA Inc.

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou GOOGLE DRIVE

Contemplem a Garota-Esquilo! Pronunciem seu nome com reverência e temor, pois pois ela pode muito bem ser a maior super-heroína que a Marvel já viu. Acham que estou brincando, é? Não estou. 

Esta heroína de causa peluda já derrotou sozinha a maioria dos personagens mais perigosos da Casa das Ideias. Wolverine? Já. Deadpool? Já. E foi fichinha. MODOK? Ela nem suou. O Doutor Destino 100% real que não é um robô-Destino? Fa-la sé-rio - ela deu uma surra tão linda no tirano enlatado que ele sofre de quilofobia até hoje (mede de esquilos, caso não tenha adivinhado). Além dessas vitórias impressionantes, ela ainda é membro não de um , nem de dois, mas de CINCO grupos de Vingadores e foi convidada pessoalmente a fazer parte da SHIELD por Dum Dum Dugan. Tudo isso e ela ainda nem saiu da faculdade. 

A incrível Doreen Green (como a Garota-Esquilo é conhecida quando não está ocupada quebrando umas nozes por aí) apareceu pela primeira vez em uma história curta de apoio no título de antologias do início dos anos 1990, Marvel Super-Heroes. Cocriada por Will Murray e Steve Ditko - sim, Steve Ditko, o cocriador do Homem-Aranha - já em sua primeira aventura, a pretensa jovem heroína se uniu ao Homem de Ferro para enfrentar o supracitado Doutor Destino. 

Cheia de energia e atitude positiva, a Garota-Esquilo prova ao cínico Homem de Ferro que ela tem a garra para ser a parceira do Vingador de armadura - não que ele estivesse à procura, principalmente de uma cujo melhor amigo é um roedor chamado Macaco Joe. 

Apesar de os criadores obviamente sentirem muito carinho pela personagem, estava claro que ela fora criada como uma piada única, sem planos ou potencial para o futuro. Porém... em 2005, 13 anos após sua estréia, a Garota-Esquilo fez seu retorno triunfante na incrível minissérie de Dan Stlott, Vingadores Centrais.

Este foi o começo da glória da Garota-Esquilo e iniciou um grande interesse pela personagem. Ficou claro que vários dos melhores criadores da Marvel tinham uma queda pela Doreen e ela apareceu em diversos títulos, incluindo Novos Vingadores, onde assumiu a incrível responsabilidade de se tornar a superbabá da filha de Luke Cage e Jessica Jones. 

A Garota-Esquilo finalmente ganhou a sua própria série em 2015 - A Imbatível Garota-Esquilo. Escrita por Ryan North, com arte de Erica Henderson, esta era a série que os fãs esperavam. 

Com tanta leveza amor que Doreen tem pela vida, é impossível conter um sorriso durante a leitura - até porque é bem engraçado. Bem, bem engraçado. Ambos os criadores fazem um excelente trabalho em exaltar a natureza peculiar da Garota-Esquilo, deixando sua força  e bondade brilhar, e mostrando que não é sempre aquele que bate mais forte que vence as superlutas. 

Então, leia... e, se tem alguém por aí que acha que a Garota-Esquilo não devia estar nesta coleção, só tenho uma coisa a dizer: DEIXA DISSO E VEM COM NOZES! (Texto de Ed Hammond... eu não tenho culpa de nada). 






segunda-feira, 22 de abril de 2019

HMPM: Nova

OS HERÓIS MAIS PODEROSOS DA MARVEL: NOVA
Digitalização e Tratamento: Outsider Z/HORDA Inc.

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou GOOGLE DRIVE

Conferir poder absoluto a um humano qualquer é um assunto bem arriscado. Mas foi esta situação que o moribundo Rhomann Dey, o último membro da Corporação Nova, enfrentou ao chegar à Terra. E, com tudo isso acontecendo dentro das páginas de uma HQ da Marvel, foi a pessoa que menos parecia merecer o poder que o recebeu. Richar era fraco, desastrado e ia muito mal na escola - não era a escolha mais óbvia para um guerreiro interestelar. Para a sorte da Terra e o restante da galáxia, o jovem estudante provou que tinha o que era preciso para ser um membro da fabulosa Corporação Nova. 

Publicado em 1976, Nova foi a homenagem de Marv Wolfman a um dos heróis fundadores do Universo Marvel: o Homem-Aranha. É fácil ver as similaridades intencionais em ambas as séries, do tema de poder e responsabilidade à jovialidade do personagem e a ambientação escolar. 

Porém, comparado ao Homem-Aranha, os poderos do Nova estão em outro nível. Sabendo como é não ter poderes e considerado um perdedor pela maioria de seus amigos, Richard tem um respeito profundo por suas novas habilidades. Ele usa seus poderes para o bem, simplesmente porque é a coisa certa a fazer. Pode soar um tanto ingênuo, mas para Richard Rider é a verdade definitiva na qual ele acredita de todo coração. 

Começamos este volume com as quatro primeiras edições da série original do Nova. Em vez de publicarmos apenas a história de sua origem, achamos que seria divertido ver aventuras contra seus primeiros vilões, como o Cabeça de Diamante e o Condor. Além disso, serve como desculpa para mostrarmos o quão poderoso Nova poder ser ao lutar contra ninguém menos do que o poderosso Thor na edição 4. 

Para a nossa história principal, trazemos quatro edições que destacam o papel de Nova  em um conflito intergaláctico épico que arrasou o lado cósmico do Universo Marvel durante a primeira década dos anos 2000. Enquanto os heróis da Terra estava ocupados com sua Guerra Civil, no outro lado da galáxia, planetas, sistemas solares e impérios galácticos caíam diante da chamada Aniquilação.

Criada pelos talentos cósmicos combinados de Dan Abnett e Andy Lanning, com arte de Kev Walker, esta série foi uma espécie de renascimento para Richard Rider, que encontrou seu papel na Corporação Nova e seu nível de poder aumentou exponencialmente. Lutando contra a armada de guerreiros insectóides famintos do Aniquilador, Nova enfrenta um desafio em escala realmente épica - mas eleo encara com sua coragem e determinação características.

A popularidade de Nova em Aniquilação foi tão grande que geraria uma nova série, com papéis importantes em vários arcos interestelares da Marvel pelos anos seguintes (Texto de Ed Hammond).





domingo, 21 de abril de 2019

Fábulas - Vol. 19

FÁBULAS - VOLUME 19 de 22
Digitalização e Tratamento: Z Redistuo/HORDA Inc.

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou GOOGLE DRIVE

Este volume começa com a continuação e término da saga do macaco voador Bufkin. Depois de reconquistar Oz, ele e sua diminuta quase namorada vivem grandes aventuras. 

Enquanto isso, na Cidade das Fábulas, agora redecorada graças ao Homem Escuro, nossos heróis enfrentarão um novo problema. Quando Bigby Lobo sai para procurar seus dois filhos desaparecidos, Branca de Neve se vê em palpos de aranha. 

Quase ninguém sabe, mas antes de se casar com Bigby e com o Príncipe Encantado, antes dele, Branca fora prometida em casamento ainda criança e ela concordou com a promessa, fazendo assim com que ela fosse casada muito tempo antes. Seu prometido, no entanto, despareceu e, somente agora, na Cidade das Fábulas, sem Bigby por perto, ele reaparece.

Exigindo seus direitos como marido, ele promete que vai matar Bigby e, mais ainda, que matará os filhos de Branca com ele, pois pretende que tenham filhos legítimos e não mestiços. As coisas parecem estar sem solução, pois ele possui fortes feitiços que o protegem contra qualquer ataque, o que deixa Branca à sua mercê e nem mesmo as bruxas conseguem ajudá-la efetivamente. Bigby precisa retornar.





sábado, 20 de abril de 2019

100% - Paul Pope

100% - PAUL POPE
Digitalização e Tratamento: Outsider Z/HORDA Inc.

PARA BAIXAR, CLIQUE EM MEGA ou GOOGLE DRIVE

Estamos em Nova York, mo inverno de 2038. Há planos para a primeira partida de futebol entre humanos e robôs. A Igreja Católica se posiciona contra. Corporações como Roca-Cola, Soma-Tek, World Tek, McGonalds, e Merecedes-Fenz vislumbram vendas recordes do merchandise; e medidas preventivas são tomadas contra a venda de partes do corpos humanos na Tailândia, Coréia e Japão. 

As novas ondas do momento, são: "Luta Gástrica" e "Dança Gástrica", ambas atividades, que exigem de seus participantes, um comprometimento total, de dentro para fora (literalmente falando). E, apesar de todas essas mudanças sociais e políticas, seis pesssoas... seis vidas, ainda procuram realizar seus sonhos... seja com punhos, seja com a arte... seja com o amor. 

100% é uma das mais belas criações do quadrinhista Paul Pope. Uma narrativa que traz, como premissa, uma ficção científica plenamente palpável, entremeada de conflitos humanos absolutamente  corriqueiros e dramáticos. 





Business

category2